Política | Determinação judicial

Justiça manda Caema realizar concurso para procuradoria jurídica

Magistrado fixou multa diária no valor de R$ 10 mil, em caso de não cumprir a decisão; empresa registrou pagamentos de supersalários no ano passado
Gilberto Léda/Da Editoria de Política08/01/2020

O juiz Douglas de Melo martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís expediu sentença condenando a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) a realizar concurso público para procuradoria jurídica, para funções como advogado e assistente jurídico. O prazo para que o órgão cumpra a sentença é de um ano.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte