Economia | Reserva financeira

Depósitos na poupança superaram os saques em 2019, aponta BC

Somente no ano passado, de acordo com o BC, os depósitos somaram R$ 2,475 trilhões e, os saques, R$ 2,461 trilhões; com a queda nos juros, os rendimentos na poupança passaram a valer menos
07/01/2020 às 17h58
Depósitos na poupança superaram os saques em 2019, aponta BCBrasileiros estão preocupados em garantir reservas financeiras (Divulgação Blog Guia Bolso)

Os depósitos na caderneta de poupança superaram os saques em aproximadamente R$ 13,2 bilhões em 2019. Foi o que revelou o Banco Central nesta terça-feira, 7.

Somente no ano passado, de acordo com o BC, os depósitos somaram R$ 2,475 trilhões e, os saques, R$ 2,461 trilhões. O levantamento também demonstrou que o ingresso de recursos em 2019 foi menor do que o registrado no ano anterior.

Segundo o BC, os depósitos na poupança superaram os saques em R$ 38,2 bilhões há dois anos. Essa também foi a menor entrada líquida de recursos, para um ano fechado, desde 2016, quando R$ 40,701 bilhões deixaram a caderneta de poupança.

Com a queda nos juros, os rendimentos na poupança passaram a valer menos a pena. Outros investimentos, como CDB´s e Tesouro Direto também ficaram para trás na preferência.

Uma solução seria o investimento em bolsa. Para especialistas, aplicar recursos em ações pode ser rentável, em comparação a outros investimentos.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte