A gente conta... | Antônia Oliveira, engenheira agrônoma e paisagista

Para a natureza, um olhar apaixonado

Ex-professora aposentada ainda atua como paisagista e cultiva em seu sítio, na BR-135, mais de 100 espécies de plantas
Evandro Junior / O Estado MA04/01/2020

Aos 78 anos de idade, a engenheira agrônoma e paisagista Antônia Lima Oliveira parece que começou a vida ontem. Alegre, espirituosa e apaixonada pela natureza, ela nunca deixou de cultivar o amor que nutre pela terra e pelas plantas. Ex-professora da Universidade Estadual do Maranhão (Uema) e, também, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), ela atuou ainda na Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca do Maranhão (Sagrima).

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte