Cidades | Inspeção

Marinha monitora litoral maranhense em busca de novas manchas de óleo

Por enquanto, limpeza não está sendo realizada; para o monitoramento, a Marinha do Brasil está utilizando embarcações e helicópteros; já são 48 os pontos afetados pela substância tóxica no estado do Maranhão
Nelson Melo / O Estado04/01/2020

As manchas de óleo continuam afetando o litoral nordestino e parte do sudeste do Brasil, desde o dia 30 de agosto de 2019, quando o material foi detectado, pela primeira vez, na costa da Paraíba. No Maranhão, o Centro de Operações de Incidentes de Poluição por Óleo, coordenado pela Capitania dos Portos do Maranhão (CPMA), está realizando mais uma etapa das ações, caracterizadas apenas pelo monitoramento dos pontos atingidos. No ano passado, várias intervenções de limpeza da substância tóxica foram registradas.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte