O Mundo | Chibatadas

Indonésio que ajudou a endurecer leis é punido por adultério

Mukhlis bin Muhammad, de 46 anos, é o primeiro líder religioso a ser açoitado em público na região de Achém, desde que a lei islâmica entrou em vigor
02/11/2019

INDONÉSIA - Um líder religioso islâmico — que fazia parte da organização que ajudou a elaborar leis mais duras contra o adultério na Indonésia — foi açoitado em público após ser flagrado tendo um caso com uma mulher casada.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte