Política | Reforma tributária

Impasse entre relatores emperra criação de comissão mista

Relator no Senado, Roberto Rocha diz que reforma não tem dono
Gilberto Léda01/11/2019 às 09h46
Impasse entre relatores emperra criação de comissão mistaAgência Senado

O senador Roberto Rocha (PSDB-MA) pode acabar perdendo a relatoria da reforma tributária se houver a unificação das PECs para tramitação em uma comissão mista com membros da Câmara e do Senado.

Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, a criação dessa comissão emperrou justamente porque o relator na Câmara dos Deputados, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), não aceita deixar a relatoria.

“Cada Casa tem um projeto e um relator e os dois não chegam a um acordo sobre quem deve ser o relator do novo colegiado”, diz a coluna.

Como a Câmara tem mais membros, pode ter prevalência nesse debate.

A O Estado, Rocha disse não temer essa possibilidade. "O relator só muda se ele devolver o projeto. Não é o caso", disse.

O tucano também minimizou o impasse e disse que a reforma tributária não tem dono. "A reforma é necessária para o país voltar a crescer e gerar emprego. Não é da Câmara, não é do Senado, não é do governo. É do país. E, na minha opinião, deve ser iniciada na Casa dos Estados, que é o Senado", completou.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte