Política | Imbróglio

Bancada do MA em Brasília continua em impasse sobre destinação de emenda

Deputados e senadores não chegaram a um consenso sobre a divisão da emenda de bancada impositiva de R$ 247 milhões; com isto, dinheiro deve ser destinado por membros da Comissão Mista de Orçamento no Congresso Nacional
Carla Lima/Editora de Política30/10/2019 às 10h49
Bancada do MA em Brasília continua em impasse sobre destinação de emenda Bancada do Maranhão não se entende sobre a destinação da emenda de R$ 247 milhões (Divulgação)

A contraproposta apresentada na terça-feira, 29, pelos oito deputados federais do Maranhão, G8, que não assinaram a proposta feita pelos senadores maranhenses para a divisão da emenda de bancada impositiva, não foi aceita pela maioria dos parlamentares do estado em Brasília. A questão dos valores a serem destinados para o governo de Flávio Dino (PCdoB) ainda é o principal impasse.

Além dos R$ 50 milhões que estão previsto para o governo estadual, a questão da destinação de verba para as rodoviais federais também causaram embaraços entre senadores e deputados do Maranhão. Pela proposta elaborada por Weverton Rocha (PDT), Eliziane Gama (Cidadania) e Roberto Rocha (PSDB), a BR-135 não receberá qualquer verba.

O G8, que tem a frente o deputado Hildo Rocha (MDB), quer a destinação de dinheiro para a rodovia de acesso para São Luís.

Com o impasse, a bancada maranhense não deverá apresentar proposta de divisão da emenda de R$ 247 milhões para a Comissão Mista de Orçamento. Será função dos membros deste comissão estabelecer o destino do dinheiro.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte