Polícia | Crueldade

Maranhense morto em assalto na capital de Goiás

A vítima trabalhava como motorista de aplicativo e teria sido executada por ordem de presidiários
Daniel Matos16/10/2019

A Polícia Civil de Goiás ainda ontem estava investigando a morte do maranhense Carlos Augusto dos Santos Lopes, de 25 anos. Segundo a polícia, a vítima nasceu em São Luís e trabalhava como motorista de aplicativo em Goiânia. No último dia 13, ele acabou sendo assassinado por um bando criminoso durante um assalto. A ordem para a execução de Carlos Augusto teria partido de presidiários de Goiás.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte