Cidades | Saúde

Queimadas causam internação de 515 crianças no Maranhão

Dados se referem aos meses de maio e junho deste ano, segundo estudo feito pela Fundação Oswaldo Cruz; este ano, no estado, já foram registrados 10.014 focos de incêndios florestais
Nelson Melo / O Estado05/10/2019

Um estudo da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), por meio do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict), mostrou que, em maio e junho deste ano, no Maranhão, na região da Amazônia Legal, houve, por causa das queimadas, 515 internações de crianças por problemas respiratórios. De acordo com o levantamento, foram 45 cidades atingidas, estas situadas no sul do estado. Em 2019, no território maranhense, já foram registrados 10.014 focos de incêndios florestais, de 1º de janeiro a 3 de outubro.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte