Esporte | Números

Números expõe detalhes sobre confronto Sampaio e São José

Times fazem jogo do acesso, neste sábado (7), e números e probabilidades começam a ser levantados para projeções do duelo
04/09/2019
Números expõe detalhes sobre confronto Sampaio e São José Sampaio treinou no Castelão nesta terça-feira (De Jesus / O ESTADO)

São Luís - Começou a semana mais importante do ano para o Sampaio Corrêa, que no próximo sábado disputará o acesso para a Série B diante do São José (RS), às 19h15, no Estádio Castelão. Apesar de a Bolívia Querida estar há quatro jogos consecutivos sem vencer, os números, desta vez, estão a seu favor. Dos nove jogos que o Tricolor disputou em casa foram, cinco vitórias, dois empates e apenas duas derrotas. O São José, dos nove jogos que disputou fora de casa, não venceu sequer uma partida, empatou sete perdeu as outras duas.

Já no campo das probabilidades, os números não são animadores, pois o Sampaio Corrêa tem 40% de chance de conseguir o acesso, contra 52% do São José. Com relação a partida deste sábado (7), a Bolívia Querida tem 41.5% de probabilidade de vencer a partida enquanto o Zequinha tem 28.8% e 29.7% de chance de terminar empate.

Com o empate sem gols em Porto Alegre, quem vencer no sábado (7), no Estádio Castelão, em São Luís (MA), conquista o acesso para a Série B. Um novo empate por qualquer placar leva a decisão para as cobran­ças de pênaltis.

Por falar em gols, dos 22 marcados pelo Sampaio Corrêa, 11 foram em casa e dos 19 sofridos seis foram em seus domínios. Já o São José, dos 25 que marcou nove foram como visitante e dos 17 gols sofridos 13 co­mo visitante.

A equipe tricolor se reapresentou na tarde da segunda-feira, no CT José Carlos Macieira, para iniciar os preparativos visando ao confronto decisivo. Na programação, treinos funcionais como preventivos de lesões, fortalecimento muscular na academia e trabalho com bola dedicado aos jogadores que não entraram em campo na rodada passada.

À disposição do técnico João Brigatti após cumprir suspensão automática, Lucas Hulk destacou o empenho da equipe na primeira partida, e pede a mesma determinação no confronto decisivo. “O time todo jogou com uma pegada muito forte, ciente das dificuldades, e trouxemos um bom resultado para decidir em casa. Agora, é atuar com a mesma pegada, com o apoio do nosso torcedor, para, se Deus quiser, conquistarmos esse acesso que será muito importante para todos nós”, afirmou.

A preparação boliviana prosseguiu ontem, em atividade realizada no Estádio Castelão, palco do duelo decisivo, às 15h30.

Ingressos para o confronto

Os ingressos para a batalha do acesso seguem à venda, com meia-entrada para todos até quinta-feira, 05, e sócio torcedor Tricolor tem lugar garantido para acompanhar a partida.
As vendas começaram a esquen­tar. Já foram cinco mil ingressos vendidos até o momento, mas a intenção é de contar com a lotação máxima para empurrar a Bolívia Querida durante os 90 minutos. Castelão pulsante, com 40 mil vozes sufocando o adversário.

“O nosso desejo é ver o Castelão completamente lotado. Vai ser uma partida muito difícil, e esperamos que a nossa torcida compareça em peso e posso nos ajudar a conquistar o acesso. Vamos dar o sangue em campo”, afirmou o zagueiro Odair Lucas.

Os ingressos para a batalha do acesso seguem à venda, com a promoção de meia-entrada para todos valendo até quinta-feira, dia 5. Sócio torcedor Tricolor tem acesso garantido para acompanhar a partida. l

Preços dos ingressos

Setor 1 R$ 30,00 – Meia: R$ 15,00.

Setor 2,3,5 e 6:* R$ 40,00 – meia: R$ 20,00

Setor 4:* R$ 60,00 – meia: R$ 30,00

Cadeira coberta:* R$ 80,00 – meia: R$ 40,00

Postos de venda

Torra Torra – Magalhães de Almeida

Rio Anil – Lojas Sono e Art

João Paulo – Lojas Sono e Art

Forquilha – Ao lado da Clínica do Trabalhador

Vila Luizão – Frutaria Ki Fruta

Cidade operária – Marcelo Surf

São Francisco – Academia Total Fit

Cohab – Marcelo Surf, próximo ao Pop Center

Mercado Central – Loja Central Refrigeração

Tropical Shopping – Lojas WM e Celebration

Castelão.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte