O Mundo | Reconhecimento

Jovem autista atinge nível mais alto em escotismo nos EUA

Timmy Hartgate se tornou um ''Eagle Scout'', título atribuído a apenas cerca de 4% dos escoteiros do país a cada ano
18/08/2019 às 07h00
Jovem autista atinge nível mais  alto em escotismo nos EUATimmy Hartgate atingiu nível mais alto em escotismo nos Estados Unidos (Divulgação)

ESTADOS UNIDOS - Timmy Hartgate, de 21 anos, está orgulhoso porque atingiu um nível que poucos escoteiros dos Estados Unidos obtêm a cada ano, o de “Eagle Scout”.

O que apenas 3 ou 4 por cento dos jovens escoteiros conseguem em todo o país é ainda mais notável em seu caso porque Hartgate é um autista quase não verbal, e tem grandes dificuldades de comunicação.

Segundo o pai dele, Ed, o jovem sempre teve dificuldades para se relacionar ou interagir com outras pessoas. Mas a vontade de conquistar o nível avançado no escotismo foi um enorme estímulo em sua terapia.

Terapeutas de uma clínica especializada em Cleveland usaram um dispositivo acionado por fala para ensinar Timmy a digitar palavras, e também como se comunicar com respostas pré-programadas em seu tablet.

Segundo Phoebe Mason, uma das terapeutas, fotos de todos os escoteiros de seu grupo foram cadastradas no tablet de Timmy, para que ele pudesse reconhecer os colegas e passasse a trabalhar com eles em um projeto desenvolvido em uma escola.

À rede NBC, o líder da tropa de Timmy, Dan Kosareo, disse que os colegas não têm problemas para lidar com o jovem. “Eles estão cientes de sua situação, mas são muito receptivos. Estou muito orgulhoso do que ele conquistou e do que ele fez”, afirmou.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte