Esporte | LBF

Em final "dourada", Sampaio Corrêa busca 2º título no nacional de basquete

Tubarão chega à sua terceira final, com um título em um vice, e desta vez, com 5 campeãs panamericanas em quadra, encara o Vera Cruz
15/08/2019 às 16h37
Em final "dourada", Sampaio Corrêa busca 2º título no nacional de basquete Lance do confronto entre Sampaio x Vera Cruz na 1ª fase (Biné Morais / O ESTADO)

SÃO LUÍS – O Sampaio Basquete chega à terceira final em cinco anos na Liga de Basquete Feminino (LBF). O time maranhense busca seu segundo título no principal torneio feminino da modalidade no país e inicia mais essa decisão nesta sexta-feira (16), às 19h30, no ginásio do Tênis Clube Campinas, em São Paulo, diante do Veracruz. Em uma final que terá quatro atletas campeãs do Panamericano de Lima com a Seleção Brasileira, o Tubarão enfrentará as paulistas em melhor de cinco duelo. Essa partida terá transmissão ao vivo, a partir das 19h, no portal Imirante.com.

Com 15 vitórias na temporada, sendo 10 seguidas, o Sampaio terminou a primeira fase na segunda colocação, atrás justamente do Vera Cruz. O Tricolor quer repetir o sucesso que fez na temporada 2015/2016 quando, com Iziane e companhia, levantou a taça, e não repetir o tropeço de 2018.

Os desta decisão de 2018 acontecem no interior paulista, já que as campineiras tiveram melhor campanha na primeira fase. A série vem para São Luís, onde o jogo 3 será disputado na quinta-feira, 22 (19h), no Ginásio Costa Rodrigues. Se a série seguir indefinida, a partida 4 acontecerá no sábado, 24 (18h), também em São Luís, e o jogo 5 pode retornar a série à Campinas no dia 29, às 19 horas (todos os horários são de Brasília).

Duelo “dourado”

Nesta decisão entre Sampaio e Vera Cruz, cinco campeãs do Pan estarão em quadra. Pelo Sampaio, Tainá, a cestinha da decisão do Pan, com 24 pontos, Raphaella Monteiro, Clarissa e Tati Pacheco. Do outro lado, Patty, ala titular da seleção de José Neto, além de Carla Lucchini, que foi ao Pan-Americano no 3X3 e voltou com o quarto lugar na bagagem.

Além do duelo em quadra, olho nos técnicos também. O veterano Antonio Carlos Vendramini está em sua última temporada como treinador e quer se despedir com mais um caneco em sua brilhante carreira. Pelo Sampaio Corrêa, Cristian Santander, argentino, quer se tornar o segundo estrangeiro a ganhar a LBF (a cubana Lisdeivi foi campeã pelo mesmo Sampaio dois anos atrás).

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte