Alternativo | Lazer

Cinema nas comunidades quilombolas

Circula CCVM leva cinema às comunidades quilombolas de Itapecuru e Anajatuba
10/08/2019
Cinema nas comunidades quilombolasFilme 5 metros e 80 será exibido na programação (Divulgação)

SÃO LUÍS- As comunidades quilombolas de Anajatuba e Itapecuru terão um fim de semana de cinema. No sábado, às 15h e 17h30, as sessões acontecem na comunidade de Pedrinhas em Itapecuru. No domingo, a programação será em Anajatuba, às 15h, na Comunidade Queluz e 17h30, em Carro Quebrado. A programação faz parte do projeto Circula CCVM.

O Circula CCVM é um programa criado pelo Centro Cultural Vale Maranhão para levar parte de sua programação para as cidades do interior maranhense. O programa teve início com a circulação de oficinas de HIP HOP que haviam acontecido durante o festival Kebrada, elas já passaram por Santa Rita, Rosário, Arari e chegarão em agosto a Miranda do Norte. Em julho foi a aberta em Arari a exposição Afetos, com fotografias de Edgar Rocha e em agosto a exposição Hiorlando deve chegar a Pindaré-Mirim.

O programa iniciou em julho uma nova linha de ação: a projeção de filmes em comunidades quilombolas. A cada mês o Circula CCVM deve passar por oito comunidades. Já passamos por Santa Rita e esta semana estaremos em Anajatuba e Itapecuru.

Foram selecionadas seis animações francesas, que já receberam diversos prêmios em festivais internacionais. Os filmes não têm falas, nem legendas e são acessíveis para todos os públicos. O Instituto Francês é parceiro da iniciativa e liberou os direitos de exibição.

“Estamos muito entusiasmados com a circulação da programação do centro cultural, escolhemos sempre conteúdos de muita qualidade e agora conseguimos fazer com que muito mais gente tenha acesso. A expectativa é que os moradores das comunidades gostem, divirtam-se e deixem o pensamento voar longe ao assistir os filmes”, comenta Paula Porta, diretora do CCVM e responsável pela iniciativa.

Programação:

5 metros e 80 (5 Mètre 80), de Nicolas Deveaux (2013) (Melhor animação no Festival e Curtas de Cannes 2013)

Flutuando na Minha Mente (Floating in my mind), de Hélène Leroux (2013) (Melhor animação Gobelins 2013)

O Gato de Apartamento (Le chat d’appartement), de Sarah Roper (1999) (Menção especial no Festival de Berlin 1999)

No Fim do Mundo (Au bout du monde), de Konstantin Bronzit (1999) (Melhor animação Européia ASIFA, 2000)

Primeiro domingo de agosto (Au premier dimanche d’août), de Florence Miailhe (2000) (Prêmio César de melhor curta 2002)

Lwas, um espírito do Haiti (Lwas), de Mathilde Vachet (2012)

Serviço:

O quê: Circula CCVM: Cinema nas Comunidades Quilombolas - Santa Rita

Quando e Onde:

Dia 10/08 (sábado) - 15h – Comunidade Pedrinhas (Anajatuba)

17h30 – Comunidade Pedrinhas (Itapecuru)

Dia 11/08 15h – Comunidade Queluz (Anajatuba)

17h30 – Carro Quebrado (Anajatuba)

Informações: (98) 3232 6363/ 98517 6828.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte