Esporte | LBF

Sampaio Basquete dá show, atropela Santo André e garante vaga na final da LBF

Para delírio da torcida no Costa Rodrigues, Tricolor fez grande atuação e fechou a semifinal em 2 a 0.
Gustavo Arruda / OESTADOMA.COM15/07/2019 às 21h45
Sampaio Basquete dá show, atropela Santo André e garante vaga na final da LBFPaulo Soares / O ESTADO

SÃO LUÍS - Defesa sufocante, ataque inspirado, torcida eufórica. Com uma atuação impecável e uma atmosfera favorável, o Sampaio Corrêa Basquete garantiu, na noite desta segunda-feira (15), a classificação para a sua terceira final na Liga de Basquete Feminino (LBF). Em um Ginásio Costa Rodrigues lotado, a Bolívia Querida fez a sua melhor atuação na temporada 2019, derrotou Santo André por 75 a 42 e fechou a semifinal da competição nacional em 2 a 0. Foi a décima vitória consecutiva do Sampaio na LBF.

Disposto a garantir a classificação sem a necessidade de uma terceira partida, o Sampaio Basquete não deu chances ao Santo André e deu um passo gigantesco para a vitória já no primeiro quarto, com uma vitória por 13 a 2. Depois de manter o ritmo no período seguinte e levar 17 pontos de vantagem para o intervalo, a equipe maranhense deu um show na quadra de ataque no terceiro quarto e transformou a vitória em massacre, atingindo a marca dos 30 pontos de diferença. Com a vitória encaminhada, o Tricolor transformou os últimos 10 minutos em mera formalidade e apenas esperou o tempo passar, para confirmar a presença em mais uma final da LBF.

A cestinha do Sampaio Basquete na segunda partida da semifinal foi a armadora Tainá Paixão, que deixou o banco de reservas para anotar 17 pontos, enquanto a ala Raphaella Monteiro fez 14 pontos e pegou sete rebotes. Titular, a armadora norte-americana Briahanna Jackson também foi peça decisiva no triunfo tricolor e ainda flertou com um triplo-duplo, após marcar 11 pontos, pegar oito rebotes e distribuir seis assistências. A pivô Clarissa, principal contratação do Sampaio para os playoffs, ficou perto de um duplo-duplo, com oito pontos e 11 rebotes. Pelo lado de Santo André, a pivô Izabela anotou 11 pontos.

Campeão em 2016 e vice em 2018, o Sampaio Basquete aguarda o encerramento da série entre Vera Cruz Campinas e Uninassau para saber quem será o seu adversário na final da LBF. A Uninassau lidera a semifinal por 1 a 0, mas o Vera Cruz terá a chance da virada com duas partidas consecutivas em casa. Se a equipe pernambucana avançar à final, o Sampaio terá a vantagem do mando de quadra, por ter melhor campanha, mas, se o Vera Cruz conquistar a virada e se classificar, o time maranhense terá que quebrar o mando da equipe paulista, que avançou em primeiro lugar na fase de classificação da Liga.

O jogo

Depois de passar sufoco na primeira partida da série, disputada em Santo André, o Sampaio Basquete começou o Jogo 2 das semifinais em um ritmo alucinante no Costa Rodrigues. Com uma defesa sólida, que permitiu apenas dois pontos para a equipe do ABC Paulista, a Bolívia Querida abriu 11 pontos de vantagem já no primeiro quarto, contando com boas jogadas de Briahanna Jackson na quadra de ataque.

Pressionado, o time de Santo André esboçou uma reação no segundo quarto, liderado por Beatriz, que fez cinco pontos e conseguiu três roubadas de bola, mas o Sampaio Basquete não baixou a guarda e continuou pontuando: destaque tricolor na temporada, a ala Raphaella Monteiro anotou sete pontos no quarto e ampliou a vantagem da equipe maranhense para 17 pontos.

Mesmo com a vitória encaminhada, o Sampaio Basquete manteve a pressão na defesa e o excelente aproveitamento na quadra de ataque no terceiro quarto. Com Briahanna Jackson e Tainá Paixão inspiradas nos arremessos, o Tricolor atingiu os 30 pontos de vantagem no placar, freando qualquer possibilidade de reação de Santo André. No último quarto, com o triunfo assegurado, o Sampaio poupou suas principais atletas, rodou o elenco e apenas esperou o tempo passar, confirmando a vitória por 33 pontos de diferença.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte