Economia | Transferência de tecnologia

Balde Cheio reúne produtores de leite do Maranhão na Expoimp

Participarão do evento agropecuário produtores, técnicos e representantes de instituições envolvidas no programa realizado pela Embrapa no estado
06/07/2019

A programação da 51ª Exposição Agropecuária de Imperatriz (Expoimp) terá a realização, nos dias 10 e 11, no auditório Juca Machado, no Parque de Exposição Lourenço Vieira da Silva, do Encontro Regional de Técnicos do Programa Balde Cheio. Participarão do evento produtores, técnicos e representantes de instituições envolvidas com o Programa Balde Cheio da Embrapa no Maranhão. Também haverá um Dia de Campo, na Chácara Santa Maria.
O Balde Cheio é uma metodologia de transferência de tecnologias da Embrapa para capacitar profissionais da assistência técnica, extensão rural e produtores de leite em técnicas, práticas e processos agrícolas, zootécnicos, gerenciais e ambientais, visando fomentar a atividade de pecuária de leite e melhorar a qualidade de vida no campo.
Criado e desenvolvido pela Embrapa Pecuária Sudeste há mais de 20 anos, o Balde Cheio conquistou reconhecimento, por contribuir para o desenvolvimento sustentável da pecuária leiteira, particularmente dos pequenos produtores. Há 2 anos, tornou-se projeto institucional em rede da Embrapa, abrangendo 16 Unidades, incluindo a Embrapa Cocais. No Maranhão, atualmente são cerca de 60 propriedades participantes, com apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). O instrutor responsável pelo desenvolvimento do programa no Maranhão, João Rosseto Júnior, trabalha para incrementar a produção de leite nas propriedades e aumentar o número de municípios envolvidos.
O evento terá ainda relato da experiência de produtores e técnicos que aplicam a metodologia do Balde Cheio.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte