Esporte | Liga de Basquete Feminino

Sampaio Basquete bate Ituano fora de casa e fica perto da vaga nas semifinais da LBF

A Bolívia Querida mostrou sua força e abriu os playoffs com uma vitória em Itu.
Gustavo Arruda / OESTADOMA.COM01/07/2019 às 21h30
Sampaio Basquete bate Ituano fora de casa e fica perto da vaga nas semifinais da LBFLance do jogo entre Ituano e Sampaio. (Juca Ferreira / Ituano Basquete)

ITU – Depois de encerrar a fase de classificação da Liga de Basquete Feminino (LBF) com seis vitórias consecutivas, o Sampaio Corrêa Basquete manteve a intensidade e conquistou, na noite desta segunda-feira (1º), um resultado crucial na briga por uma vaga nas semifinais da competição nacional. Em duelo disputado no Ginásio Prudente de Moraes, em Itu, a Bolívia Querida teve dificuldades diante de um valente Ituano, que contava com o apoio da torcida, mas conseguiu a vitória por 61 a 55 e abriu 1 a 0 nas quartas de final da LBF.

Destaque do Sampaio Basquete na primeira fase da LBF e convocada para defender a Seleção Brasileira nos Jogos Pan-Americanos, a ala Raphaella Monteiro fez uma grande atuação diante do Ituano, com 16 pontos, sete rebotes e três roubadas de bola. A ala-pivô Vitória Marcelino, por sua vez, saiu da rotação tricolor para anotar 11 pontos e pegar seis rebotes. Pelo lado do Ituano, duas atletas registraram duplos-duplos: enquanto a ala-pivô Gabriela anotou 14 pontos e pegou 10 rebotes, a pivô Mônica Nascimento encerrou o jogo com 11 pontos e 13 rebotes.

Com a vitória em Itu, o Sampaio Basquete precisa de mais um triunfo em duas partidas em casa para avançar às semifinais da Liga de Basquete Feminino, enquanto o Ituano só garante classificação com duas vitórias em São Luís. Sampaio e Ituano voltam a se enfrentar nesta quinta-feira (4), às 19h30, no Ginásio Costa Rodrigues, e o vencedor dessa série encara Santo André ou Sesi Araraquara na próxima fase da LBF.

O jogo

Contando com o apoio da torcida, o Ituano concentrou as suas jogadas ofensivas no garrafão, formado por Gabriela e Mônica Nascimento, mas o Sampaio Basquete, contando com arremessos precisos de Briahanna Jackson e Raphaella Monteiro, venceu o primeiro quarto por 16 a 15. Embalado pelo bom início de jogo, o Tricolor manteve a intensidade no período seguinte e levou uma vantagem de cinco pontos para o intervalo, com destaque para um forte jogo coletivo e defesa atenta.

Pressionado, o Ituano mudou a postura no início do terceiro quarto e acionou a experiente ala Palmira Marçal na quadra de ataque. O Sampaio, entretanto, não deixou de pontuar: com Tainá Paixão, Tati Pacheco e Raphaella Monteiro encaixando boas jogadas, o Tricolor freou a reação do Ituano. No último quarto, as donas da casa esboçaram uma reação, mas o Sampaio, liderado por Raphaella e Vitória, confirmou o triunfo fora de casa.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte