Política | Demitido

Publicada no Diário Oficial demissão de Tiago Bardal

O agora ex-delegado teve demissão publicada na edição do dia 25 de junho do Diário Oficial do Estado
Carla Lima/Editora de Política27/06/2019 às 11h52
Publicada no Diário Oficial demissão de Tiago BardalDemissão de Tiago Bardal foi oficializada no Diário Oficial do Estado do dia 25 de junho (Reprodução)

Foi publicada na edição do dia 25 de junho (divulgada somente nesta quinta-feira, 27) do Diário Oficial do Estado (DOE) a demissão do delegado da Polícia Civil, Tiago Bardal. Ele respondia a processo disciplinar acusando de fazer parte de um grupo de contrabando de mercadorias no Maranhão.

A demissão foi assinada pelo governador Flávio Dino (PCdoB), que se baseou no parecer da Procuradoria Geral do Estado (PGE), resultado de processo administrativo instaurado pela Corregedoria Geral da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP) em abril de 2018.

Tiago Bardal foi preso ano passado acusado de fazer parte de organização criminosa contribuindo com obstrução das investigações contra o bando de contrabando de mercadorias e de assalto a banco.

Em sua primeira depoimento na Justiça, Bardal acusou o secretário de Segurança, Jefferson Portela, de perseguição a ele após a recusa de espionar quatro desembargadores do Tribunal de justiça do Maranhão.

Bardal revelou que Portela determinou grampos em telefone dos magistrados para investigá-los.

O agora ex-delegado vai prestar depoimento na Comissão de Segurança e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados no próximo dia 2 de julho, terça-feira.

Além dele, também será ouvido o delegado afastado Ney Anderson Gaspar, que também acusou Portela de grampear os desembargadores, seus familiares e políticos adversários do governo estadual.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte