Estado Econômico

Trabalho flexível atrai talentos em empresas

Estudo mostra que 80% confirmam que mudança reflete no aumento da produtividade
22/06/2019

Pesquisa realizada pela International Workplace Group, empresa líder no mercado de escritórios compartilhados no mundo e no Brasil, mostra que o trabalho flexível tem sido um fator decisivo para as empresas atraírem talentos. Com mais de 15 mil entrevistados, entre funcionários e líderes empresariais de 80 países, o estudo mostra que 83% dos participantes escolheriam um emprego com alguma flexibilidade a outro que não ofereça nenhuma iniciativa neste sentido.
Outro dado é que mais da metade dos respondentes (54%) consideram o fator “trabalho flexível” mais importante do que estar em uma grande empresa. Além disso, quase um terço (32%) avalia que escolher o local de trabalho é mais relevante do que ter um cargo de prestígio.
No Brasil, 76% dos executivos alegaram usar medidas de flexibilidade para reduzir o deslocamento dos colaboradores para o trabalho e mais de 80% confirmam que a mudança reflete no aumento da produtividade e na melhora no desempenho dos negócios.
Para Tiago Alves (foto), presidente do IWG no Brasil, as empresas têm identificado cada vez mais que a flexibilização da jornada de trabalho é uma iniciativa vantajosa para ambos os lados. “Além de mais qualidade de vida para os seus funcionários, as corporações têm observado que as políticas de flexibilidade rendem maior produtividade e melhores resultados”, comenta o executivo.
Porém, a ideia de flexibilização no ambiente de trabalho ainda pode ser motivo de resistência para as empresas mais tradicionais. Globalmente, 60% das pessoas relataram que mudar uma cultura de trabalho não flexível representa um obstáculo – no Brasil, o número chega a 69%. Entre os temores, foi destacado o medo de as medidas causarem impactos negativos nos negócios.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte