Alternativo | Música

Alceu Valença no São João da Ilha

Cantor se apresenta hoje, às 22h, na abertura do Arraial da Praça Maria Aragão; no repertório, forró, xote, baião e emboladas em sucessos que marcaram sua carreira
19/06/2019
Alceu Valença no São João da IlhaAlceu Valença abre a Turnê Nordestina 2019 em São Luís (Divulgação)

São Luís - É São João e a cidade respira cultura popular por todos os lados. E hoje, para dar a largada oficial dos festejos que celebram Santo Antônio, São João, São Pedro e, no Maranhão, São Marçal, o cantor e compositor Alceu Valença se apresenta no terreiro da Praça Maria Aragão com show às 22h. Antes dele, grupos de dança e de bumba meu boi também se apresentam no local.

O artista volta a São Luís para dar início à sua Turnê Nordestina 2019, em celebração ao São João. Sobre o palco, ele apresentará aos fãs seu show com o qual percorrerá mais quatro estados brasileiros, além do Maranhão. No repertório, xotes, forrós e emboladas de sua autoria, como “Cabelo no Pente”, “O Pé de Rosa” e “Embolada do Tempo”.

Alceu Valença interpreta ainda os hits “Tropicana”, “Anunciação”, “Belle de Jour”, “Girassol”, “Táxi Lunar”, “Como Dois Animais” e “Pelas Ruas que Andei”. Do repertório de Luiz Gonzaga, o cantor recria “Baião”, “Vem Morena”, “Xote das Meninas”, “Sabiá”, “Pagode Russo” e “Juazeiro”.

O cantor comenta sua relação com os festejos junino e, embora diga não ser tradicionalista, afirma gostar de preservar algumas tradições. “No período junino canto somente os estilos desenvolvidos no agreste e no sertão, que ajudaram a consolidar o forró como o gênero principal do São João. E tome baião, forró, coco, xote, rojão, embolada, martelos e toadas. Estes gêneros são a essência da música que faço”, diz Alceu Valença.

Os músicos Paulo Rafael (guitarra), Nando Barreto (baixo), Tovinho (teclados), André Julião (sanfona) e Cássio Cunha (bateria) formam a banda que acompanha o artista nesta turnê.

Após São Luís, Alceu Valença segue para a Bahia onde se apresenta em Tucano e Salvador. Depois vai para Mossoró e canta na Cidade Junina, no Rio Grande do Norte. Em Pernambuco, o cantor se apresenta em Bom Conselho, Arcoverde e Afogados da Ingazeira. Ele também é presença confirmada no São João de Campina Grande, na Paraíba de Jackson do Pandeiro, cujo centenário é comemorado este ano.

Dono de uma carreira longínqua e consolidada, Alceu Valença, ao lado de Jackson do Pandeiro e Geraldo Azevedo, participou do Festival Internacional da Canção de 1972, onde o trio concorreu com “Papagaio do Futuro”. Tempos depois, em 1979, Alceu e Jackson apresentaram “Coração Bobo” no Festival da Tupi.

A música, composta por Alceu e dedicada a Jackson, foi criada durante o autoexílio do compositor em Paris, quando os discos de Jackson aplacavam as saudades que Alceu sentia do Brasil. Logo se tornaria seu primeiro sucesso nacional. Além destas, “O Canto da Ema”, um dos maiores clássicos de Jackson, completa a trilogia que celebra o centenário do mestre.

Programação

Além do show de Alceu Valença, o Arraial da Praça Maria Aragão também terá apresentações do tambor de crioula Brilho da União, da Vila Mauro Fecury, Dança Portuguesa Império de Lisboa, bumba meu boi Encanto do Olho d’Água, Boi Barrica e boi de Maracanã. Na arena do forró, Ruam Duanny e banda e Trio Forró Pegado.

Serviço

O quê

Show de Alceu Valença – Turnê Nordestina 2019

Quando

Hoje, às 22h

Onde

Arraial da Praça Maria Aragão – Centro

Entrada gratuita

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte