Cidades | Demissão de cobradores

Sindicato nega acordo com empresários para alterações no transporte público

Circulação de ônibus sem cobradores já está sendo adotada por empresas da capital; sindicato recorre, judicialmente, da decisão e descarta paralisação da categoria
MONALISA BENAVENUTO / O ESTADO04/06/2019

A possível “suspensão em massa” de cobradores do transporte público de São Luís não conta com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Maranhão (Sttrema). Conforme Isaías Castelo Branco, presidente da entidade, afastamento de funcionários não é compatível com as de­cisões tomadas em assembleias realizadas entre empresários e categoria. Anunciada, inicialmente, pelo consórcio Upaon-Açu, a circulação de ônibus sem cobradores já está sendo adotada por outras empresas e preocupa trabalhadores do setor, diante do futuro incerto da profissão na capital. Sindicato descarta risco de paralisação para os próximos dias.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte