Polícia | Condenação

Acusado da morte do cantor André Logo condenado a 26 anos

Julgamento foi realizado ontem no salão da 4ª Vara do Tribunal do Júri em sessão presidida pelo juiz Osmar Filho; pena será cumprida em regime fechado
Ismael Araújo30/05/2019

SÃO LUÍS - Glaubson Maranhão dos Santos, o Nem, de 28 anos, foi condenado ontem a 26 anos de prisão pelo assassinato do cantor e estudante de Jornalismo, André Lins Martins Gonçalves, o André Lobo, de 31 anos, e pela tentativa de homicídio a Tereza Gomes da Silva Sousa, de 37 anos. Os crimes ocorreram no dia 8 de maio de 2014, no retorno da Forquilha.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte