Política | Câmara

12 deputados do MA votaram para tirar Coaf de Sérgio Moro

Apenas Eduardo Braide (PMN), Edilázio Júnior (PSD) e Pastor Gildenemyr (PMN) apoiaram manutenção da estrutura no Ministério da Justiça
Gilberto Léda23/05/2019 às 11h22
12 deputados do MA votaram para tirar Coaf de Sérgio MoroDivulgação

O plenário da Câmara aprovou, ontem, 22, o texto-base da medida provisória do presidente Jair Bolsonaro (PSL) que reestrutura o governo, mas impôs derrota ao governo.

Por 228 votos a 210, foi retirado do ministro da Justiça, Sergio Moro, o controle sobre o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), órgão que faz relatórios sobre movimentações financeiras suspeitas e que o ministro considera estratégico no combate à corrupção.

Pela versão que recebeu aval dos deputados, ele voltará a ser da alçada do Ministério da Economia.

Dos 18 deputados federais maranhenses, 15 participaram da votação. E apenas três deles votaram para manter o órgão sob o controle do Ministério da Justiça: Eduardo Braide (PMN), Edilázio Júnior (PSD) e Pastor Gildenemyr (PMN).

Os outros 12 votaram "Não", e contribuíram para a volta da estrutura ao Ministério da Economia.

Veja aqui a lista de votação.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte