Esporte | Maranhenses pelo mundo

Próximo de recorde, maranhense quer fazer história no futebol coreano

Wanderson, que nasceu em Santa Inês, atua no Pohang Steelers e vai completar 150 partidas no futebol sul-coreano
14/05/2019 às 19h49
Próximo de recorde, maranhense quer fazer história no futebol coreanoWanderson em atividade pelo Pohang Steelers (Divulgação)

SÃO LUÍS - Titular do Pohang Steelers nesta atual temporada em sua segunda passagem pelo clube sul-coreano, o meia-atacante maranhense Wanderson está focado em um objetivo nesta sequência de 2019: manter a média de jogos para chegar a marca dos 150 jogos na Coreia do Sul. Em sua quinta temporada no país asiático, o atleta falou sobre essa expectativa.

“Estou vivendo essa expectativa de bater a marca dos cento e cinquenta jogos no futebol coreano este ano. Tenho cento e doze partidas oficiais no país. Vai ser difícil, mas estou lutando muito para alcançar essa importante marca em minha carreira. Chegando a esse número, talvez fique na lista de brasileiros que mais atuou aqui", disse.

O Pohang, cinco vezes campeão coreano, está em busca do seu sexto título, segundo disse o jogador.

“O Pohang é um dos clubes com mais títulos no futebol asiático. Vamos em busca do hexacampeonato para o clube. Seria história estar presente no sexto título do Pohang da K-League. Estamos no G6, que é o grupo que se classifica para as finais da disputa, e vamos lutar para permanecermos firmes nesta briga”.

Wanderson Carvalho de Oliveira, de 30 anos, nasceu na cidade de Santa Inês, em começou sua carreira no extinto time que levava o nome da cidade. Em seguida ele atuou pelo Bahia de Feira, América (RN), América (MG), entre clubes do futebol do Nordeste, até se transferir para o futebol asiático, onde já atuou por quatro equipe diferentes.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte