Geral | Leilões

Bolsonaro vai privatizar quatro terminais do Porto do Itaqui

No caso do porto maranhense, foi autorizado o arredamento de quatro terminais dedicados à movimentação de granéis líquidos, especialmente combustíveis
Gilberto Léda10/05/2019 às 09h30
Bolsonaro vai privatizar quatro terminais do Porto do ItaquiDivulgação

O governo Jair Bolsonaro (PSL) informou nesta semana que incluirá 59 projetos nos planos de concessão e privatização do governo federal.

O anúncio foi feito pelo Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), ao lado do secretário de Privatizações, José Salim Mattar Júnior.

Durante o evento, o governo federal confirmou que quatro terminais do Porto do Itaqui estão entre os projetos que serão cedidos à iniciativa privada, além dos aeroportos de São Luís e de Imperatriz.

No caso do porto maranhense, foi autorizado o arredamento de quatro terminais dedicados à movimentação de granéis líquidos, especialmente combustíveis: IQI 03, 11, 12, 13; e outros dois em Santos, São Paulo (STS 20, 14), além da desestatização do Porto de São Sebastião, também em São Paulo.

Depois da reunião, que aconteceu com a presença de Bolsonaro no Palácio do Planalto, em Brasília, o secretário de Privatizações comemorou o resultado. “Este governo gosta de capital, gosta de empresário, gosta de lucro porque acredita que somente iniciativa privada é a geradora de riqueza e a criadora de empregos”, disse.

Segundo Mattar , a maioria das privatizações deve aconteer no ano que vem. “Acreditamos que no ano de 2019 acontecerão poucas privatizações, mas muitos desinvestimentos. No segundo ano, acelera-se o volume das privatizações e conclui na grande quantidade no ano de 2021”, explicou.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte