Esporte | Sampaio e Confiança

Andrey garante valioso empate do Sampaio pela Pré-Copa do Nordeste

Com meio time considerado reserva, time maranhense consegue bom resultado, apesar da pressão do time da casa
Thiago Bastos / O Estado 01/05/2019 às 20h38
Andrey garante valioso empate do Sampaio pela Pré-Copa do NordesteTimes perfilaram para a execução do Hino Nacional antes do jogo. Estádio Batistão recebeu público pequeno. (Divulgação /Confiança)

MARANHÃO - O Sampaio Corrêa empatou por zero a zero com o Confiança em jogo realizado na noite desta quarta-feira (1º) válido pela Pré-Copa do Nordeste 2020. O próximo duelo entre as equipes acontecerá na próxima terça-feira (7), às 19h15 no Estádio Castelão, em São Luís. Quem passar, entrará diretamente na fase de grupos do Nordestão.

Na escalação, Julinho Camargo – técnico do Sampaio Corrêa – decidiu surpreender. Ao contrário do que vinha sinalizando, o treinador poupou metade dos considerados titulares (Dedé, Diones, Diogo Rangel, Patric Calmon e Cleitinho). O jogo começou de forma interessante, com as duas equipes em busca do gol. Logo aos três minutos, cabeçada de Vitor Salvador após cruzamento de Lucas Gabriel passou com perigo.

O time sergipano respondeu com Tito. Após receber passe da ponta direita, o atacante do Confiança exigiu grande defesa de Andrey. Aos 23, a Bolívia respondeu com Salatiel, após bom passe de Bruninho. Outra boa defesa desta vez do goleiro Jean.

Aos 25 minutos, Salatiel Jr – de boa atuação no jogo contra o Confiança no domingo (28) pela Série C – perdeu uma chance clara. Cabeceou sozinho para fora. Até o fim do jogo, o ritmo caiu e o empate foi considerado justo.

Andrey garante empate

Na etapa complementar, o Confiança encurralou o Sampaio em vários momentos. Uma das chances mais claras aconteceu aos 8 minutos, quando Tito cabeceou e a bola passou bem perto do gol boliviano. Aos 11 minutos, Felipe Lima cobrou falta e o goleiro boliviano se esticou todo para fazer grande defesa.

O Sampaio, mesmo com a pressão, continuava com dificuldades para sair ao campo de ataque. Para dar mais dinamismo ao time, o técnico do Sampaio colocou Matheus e o titular Cleitinho para facilitar a armação de jogadas.

Apesar das mexidas, o Sampaio não melhorou e permaneceu sendo pressionado. Com mais posse de bola, o Confiança rondava a todo o instante a área maranhense. O incômodo do Sampaio chegou a tal ponto que alguns atletas começaram a fazer a chamada "cera". Um deles foi justamente o goleiro Andrey que, por isso, recebeu cartão amarelo aos 28 minutos.

Mesmo com a pressão, o Sampaio se sustentava. Até que aos 47 minutos o lateral-esquerdo Radar cobrou falta que foi no travessão. Era a última esperança do time sergipano que, agora, terá que buscar a classificação em São Luís.

Para o Sampaio, o resultado foi considerado positivo, já que a Bolívia poderá decidir a vaga em casa. Em caso de qualquer novo empate na volta, a vaga será decidida nos pênaltis.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte