O Mundo | Sucessão imperial

Imperador Akihito abdica e deixa o trono do Japão para seu filho Naruhito

Prevista há mais de um ano, sucessão dá início à era Reiwa no Japão. A abdicação é a primeira nos últimos dois séculos de história do país, que tem a monarquia mais longa do mundo
01/05/2019

TÓQUIO - Depois de 30 anos e cinco meses, o reinado do imperador japonês, Akihito, chegou ao fim ontem, 30, quando ele abdicou do trono a favor de seu filho mais velho, o príncipe herdeiro Naruhito.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte