Estado Maior | COLUNA

As posições

20/04/2019

Dos 18 deputados federais do Maranhão, somente cinco declararam apoio à reforma da Previdência defendida pelo Governo Federal. Um deputado diz apoiar de forma parcial e outros 12 se dizem contra ou ainda estão indefinidos.
Dos indefinidos, que são maioria entre os maranhenses na Câmara dos Deputados, quase todos pertencem a partidos que compõem o chamado centrão, partidos fisiologistas que estão sempre com o governo em troca de espaços políticos ou com acordos políticos.
Entre os nomes dos maranhenses no Centrão estão Cléber Verde (PRB) e Josimar de Maranhãozinho (PR).
Dos que se dizem apoiadores, não há qualquer deles que esteja completamente fechado com o governo de Jair Bolsonaro e o texto original da Reforma. Apesar de concordar com as mudanças, afirmando serem necessárias, os deputados federais pedem modificações no documento inicial.
Esse é o caso de deputados como Pastor Gildenemyr (PMN) e Aluisio Mendes (Pode).
Talvez somente os membros da oposição que fazem parte da bancada maranhense estão completamente convictos de suas posições. Parlamentares como Márcio Jerry (PCdoB), Zé Carlos (PT) e Bira do Pindaré (PSB) são contra a reforma de qualquer forma.
O fato é que a tramitação da matéria caminha na Câmara Federal e em um futuro bem próximo os maranhenses e demais deputados federais terão de decidir sobre a posição a ser tomada em relação à reforma, que vai atingir milhões de brasileiros pelos próximos anos.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte