Opinião | Artigo

O médico e o monstro

Bruno Milano Centa15/04/2019

A reforma trabalhista trouxe louvável e esperado rumo novo ao Direito do Trabalho Brasileiro, em verdadeira revolução modernizante nas relações de trabalho, nas regras de processo e, especialmente, nas relações sindicais. Um diploma tão amplo e complexo, que se traduz na maior alteração legislativa da matéria desde o advento da própria CLT, é fruto de múltiplos autores e pensamentos. De tal sorte, por não ter sido seu processo criativo fruto de mão única, apresenta contradições e antagonismos, sendo o principal a opção do legislador acerca do papel dos Sindicatos neste universo.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte