Economia | Emprego

Páscoa deve gerar 10,7 mil novos postos de trabalho temporário

Empregador pode fazer contratação desse tipo sempre que houver uma necessidade temporária de substituição transitória de pessoal permanente ou de demanda complementar de serviços
Riba Cunha09/04/2019

Rio - Pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), revela que cerca de 10,7 mil novos postos de trabalho temporário deverão ser gerados no período da Páscoa, sendo que por hiper e supermercados responderão por aproximadamente 65% do total de vagas a serem oferecidas. O salário médio de admissão no varejo deverá ser em torno de R$ 1.267, representando um avanço de 5,9% em relação à Páscoa de 2018.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte