Geral | Falecimento

Luto no rádio e na cultura maranhense: morre Helena Leite

A radialista, que era apaixonada pelo bumba meu boi, morreu de infarto. O velório está ocorrendo no Parque Folclórico da Vila Palmeira
30/03/2019 às 08h46
Luto no rádio e na cultura maranhense: morre Helena LeiteA radialista Helena Leite morreu de infarto (Helena Leite)

A radialista Helena Leite, de 67 anos, morreu na madrugada de sábado, 30, de infarto fulminante. A informação foi confirmada nas redes sociais pelo filho Ronner Leite. Ela trabalhava no rádio desde o ano de 1966 e era considerada como uma das mais resistentes vozes da cultura maranhense, especialmente sobre o bumba meu boi.

Em uma rede social, Ronner Leite disse que Deus levou a sua rainha para junto dele. O outro filho da comunicadora, Ramilson, declarou que não estava preparado para passar por esse momento. O velório está ocorrendo no Parque Folclórico da Vila Palmeira.

Nota

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho, enviou uma nota de pesar, lamentando a morte da comunicadora. “Helena era uma profissional exemplar e respeitada; além de figurar como uma das vozes mais importantes no que se refere à defesa da cultura de São Luís e do Maranhão. Ao longo de sua carreira, trabalhou em diversos veículos de comunicação, sempre levando a boa informação para os ouvintes e emitindo opiniões pautadas em um vasto conhecimento acerca dos mais variados temas, em especial os relacionados ao cenário cultural”.

O Sindicato dos Jornalistas do Maranhão também emitiu nota. “Com profunda tristeza registramos o falecimento da radialista e folclorista Helena Leite, a defensora incansável da cultura popular”.

Nota de pesar da Prefeitura de São Luís:

A Prefeitura de São Luís lamenta o falecimento na madrugada deste sábado (30) da radialista e produtora cultural Helena Leite, aos 67 anos.

Helena se tornou conhecida por sua trajetória no rádio em prol da cultura maranhense, atuando fortemente na divulgação e deixando um importante legado nestas áreas.

Neste momento de dor e saudade, o prefeito Edivaldo Holanda Junior manifesta solidariedade à família, amigos e admiradores da radialista, pedindo a Deus que conforte a todos.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte