Polícia | Condenção

Militar é condenado por homicídio em uma festa em Zé Doca

Hélio de Jesus Lindoso terá que cumprir 10 anos de reclusão por um assassinato e uma tentativa de homicídio
Ismael Araújo29/03/2019

SANTA INÊS - O policial Hélio de Jesus Lindoso ainda ontem estava preso no quartel da Polícia Militar de Santa Inês. No último dia 26, ele foi condenado pelo Tribunal do Júri a 10 anos de reclusão, a ser cumprido inicialmente em regime fechado pelo assassinato de Antônio Marcos Moura Gama e tentativa de homicídio, que teve como vítima Fernando Moura Gama. Osa dois eram irmãos. O crime ocorreu durante uma festa de virada do ano em janeiro de 1996, em um clube de eventos, na cidade de Zé Doca.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte