Geral | Barbárie

Massacre em escola de Suzano (SP) deixa 10 mortos e comove o Brasil

Onze feridos continuavam internados em hospitais até a noite desta quarta-feira (13); entre os que morreram, duas funcionários da Escola Estadual Raul Brasil e cinco eram alunos
14/03/2019

SUZANO - Dois jovens, Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, mataram sete pessoas na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo, e posteriormente se mataram ao se depararem com a polícia no local, na manhã desta quarta-feira (13). Antes de chegarem à escola ainda atiraram no tio de Guilherme, Jorge Antonio Moraes, que veio a óbito no hospital. A motivação para o crime ainda não foi divulgada. Os dois eram ex-alunos da escola e Guilherme estudou no colégio até o ano passado.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.