Polícia | Execução

Empresária suspeita de matar o próprio pai foi executada

Maria Solange Alves foi assassinada a tiros em estabelecimento comercial, no centro de Buriticupu; polícia não tem pista do criminoso que fugiu em uma moto
13/03/2019

BURITICUPU - A empresária Maria Solange Alves, de 54 anos, acusada de matar o próprio pai, foi executada ontem em sua loja de calçados, no centro de Buriticupu. O pai da vítima era o líder comunitário Acrísio Pereira Costa que foi assassinado a tiros em 2011, nessa cidade.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte