Política | Programa espacial

Deputados maranhenses apoiam acordo Brasil/ EUA por base de Alcântara

Membros da bancada federal do Maranhão acreditam que o acordo pode trazer benefícios para o Brasil e também para o município de Alcântara
Gilberto Léda12/03/2019

A notícia de que os governo de Brasil e Estados Unidos concluíram na semana passada as negociações do novo Acordo de Salvaguardas Tecnológicas (AST) - que permite o uso comercial da base de Alcântara, no Maranhão – repercutiu positivamente entre deputados federais maranhenses, que ainda devem ser ouvidos no processo de análise das tratativas.
Ouvidos por O Estado, membros da bancada mostraram apoio à proposta, de forma geral, mas sempre ressalvando que recursos advindos da parceria também devem ser revertidos para a cidade.
O deputado Edilázio Júnior (PSD) destacou o fato de que o acordo garante a soberania nacional. “Pelo que vi e li, creio que é benéfico para o país, uma vez que vai garantir a soberania nacional e nós vamos auferir um lucro do uso comercial da base, então esse recurso já vai servir para aumentar as nossas tecnologias. As divergências que havia há quase 20 anos parece que conseguiram sanar”, declarou.
“Melhor do que deixar nossa base obsoleta e apenas consumindo recursos da União. Por que não fazer dela algo lucrativo para a União?”, questionou o parlamentar.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte