Esporte | Copa do Nordeste

Ninguém segura! Moto bate o Sampaio e chega ao 11º jogo de invencibilidade

Papão reafirma boa fase com vitória por 1 x 0, segue sem perder na temporada e amplia crise no rival, que estreou técnico novo
Eduardo Lindoso / O Estado17/02/2019 às 21h10
Jogadores do Moto comemoram gol de Lucas Dias

SÃO LUÍS – O Moto Club reafirmou sua boa fase com mais uma vitória sobre o seu maior rival. Em clássico válido pela quarta rodada da Copa do Nordeste, o Papão superou o Sampaio, por 1 x 0, na noite deste domingo (17), no Estádio Castelão. O gol do zagueiro Lucas Dias logo no início do clássico garantiu a 11ª partida de invencibilidade da equipe rubro-negra na temporada (contando dois amistosos contra o River). Já a Bolívia Querida segue em má fase e o técnico Julinho Camargo estreou com derrota. Com este resultado, o Moto encostou no G-4 do Grupo B, com seis pontos. Já o Sampaio segue estacionado na vice-lanterna do Grupo A, com um ponto apenas.
Na próxima rodada da competição regional o Moto enfrenta o Santa Cruz, em São Luís, no dia 2 de fevereiro, e o Sampaio visita o Náutico, em Recife, no dia 7.

Moto marca logo no início

Apesar de a primeira tentativa ter sido do Sampaio, nos primeiros minutos o Moto foi mais incisivo do que o adversário. Aos oito minutos, depois de boa jogada, Márcio Diego testou para fora, assustando o goleiro Rodrigo Santos. Em seguida, o Sampaio até tentou mostrar reação com Dedé, que mandou a bola na área, para a saída de Rodolfo. No entanto, aos 12 minutos veio logo um golpe mortal. Depois de cobrança de escanteio, o Papão se aproveitou do desentrosamento da zaga do Tricolor e abriu o placar com o zagueiro Lucas Dias, que subiu mais alto e mandou a bola no fundo das redes: 1 x 0 para o lado rubro-negro.

Depois do gol do Moto o clima esquentou e o meia Juninho Arcanjo levou cartão amarelo. Se aproveitando do momento de tensão, o Sampaio reagiu e quase chega ao empate. O meia Eloir, aos 21 minutos, avançou com liberdade e mandou um petardo, que passou muito perto do gol. Aos 24 minutos o Moto quase amplia o marcador. Dalmo recebeu belo passe de Juninho Arcanjo e cabeceou com bastante perigo, a bola passou raspando as traves de Rodrigo Santos.

Daí em diante, pouca coisa boa aconteceu e o primeiro tempo terminou com o Moto na frente do marcador.

Julinho Camargo fez sua estreia no Sampaio

Segundo tempo “morno”

Com a desvantagem, o técnico estreante do Sampaio sacou o lateral-direito Talisson e colocou o meia Cleitinho. Mesmo com a mudança, o Tricolor não conseguiu ser tão efetivo. O atacante Samuel Samurai seguiu muito isolado e pouco pegava na bola. O Moto seguiu tentando cadenciar mais o jogo. Aos 15 minutos, enfim, Maxuel Samurai teve uma chance, mas acertou a cabeçada nas mãos de Rodolfo.

Vendo seu time recuar, o técnico Wallace Lemos promoveu a entrada do “talismã” Gleisinho, que substituiu Márcio Diogo. Mesmo assim, o Papão seguiu ameaçando muito pouco o adversário. Aos 20 Evandro Russo deu lugar para o volante Pedro Dias, em uma clara intenção do comandante rubro-negro de se defender.

Bastante acionado, Gleisinho não conseguia repetir as mesmas atuações dos jogos passados. Pelo lado do Sampaio, Cleitinho tentava melhorar a criação do Sampaio, mas sem efetividade. E o duelo seguiu sem muitas emoções. Apenas aos 35 minutos uma das torcidas voltou a gritar “Uuuuhhh”: Nailson arricou de longe e quase superou o goleiro Rodrigo Santos. l

Ficha técnica

Moto 1 x 0 Sampaio

Moto

Rodolfo, Diego Renan, Lucas Dias, Alisson e Mateus; Lucas Hulck e Naílson; Márcio Diogo (Gleisinho), Juninho Arcanjo e Evandro Russo (Pedro Dias); Dalmo

Técnico: Wallace Lemos

Sampaio

Rodrigo Santos; Talisson (Cleitinho), Odair Lucas, Vitor Bafana e Lucas Gabriel; Patrick, Dedé, Eloir (Salatiel) e Tom; Edgar e Maxuell Samurai

Técnico: Julinho Camargo

Competição: Copa do Brasil 2019

Local: Estádio Castelão – São Luís (MA)

Árbitro: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)

Assistentes: Jean Márcio dos Santos (RN) e Vinícius Melo de Lima (RN)

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte