Geral | Após tragédia

Governo avalia acesso de vítima de Brumadinho ao Minha Casa Minha Vida

Para Onyx, prejuízos dos atingidos devem ser cobrados da Vale, e citou uma previsão no regulamento do programa para a participação de pessoas vítimas de episódios do tipo
13/02/2019

BRASILIA - O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse ontem(12) que o governo estuda uma forma de atingidos pela tragédia em Brumadinho (MG) acessarem o programa Minha Casa Minha Vida para reconstrução de suas casas. Onxy citou uma previsão no regulamento do programa para a participação de pessoas vítimas de episódios de emergência ou calamidade. Desta forma, segundo o ministro, as famílias não teriam de usar o dinheiro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para arcar com os prejuízos, que devem ser cobrados da mineradora Vale.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte