Alternativo | Evento

Dispositivos da sexualidade em debate

Encontro que ocorrerá em março na Universidade Federal do Maranhão visa combater desigualdades sociais implícitas nas relações de gênero
05/02/2019
Dispositivos da sexualidade em debateA professora doutora Sandra Sousa é coordenadora do rupo de Estudos e de Pesquisa em Gênero, Memórias e Identidades da UFMA (Divulgação)

SÃO LUÍS - Ampliar entre pesquisadores, estudantes e grupos interessados o debate crítico e reflexivo acerca dos dispositivos da sexualidade em torno das noções de gênero a partir da construção dos discursos que marginalizam, ignoram ou perseguem orientações sexuais diferentes da heterossexual é o objetivo do II Encontro Nacional e IV Seminário de Gênero, Memórias e Identidades, realizado pelo Grupo de Estudos e de Pesquisa em Gênero, Memórias e Identidades (Geni), vinculado ao Departamento de Sociologia e Antropologia da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). O evento, que ocorrerá de 18 a 21 de março, está com o edital para inscrições e submissões de trabalhos acadêmicos aberto até o dia 24 de fevereiro e podem ser feitas no site http://grupogeniufma.blogspot.com/.

Com a temática central “Dispositivos da sexualidade: Prazeres e Perigos”, a iniciativa tem a perspectiva de debater em âmbito local e nacional a partir de uma programação composta por conferências, apresentações de grupos de trabalhos, mesas redondas e exibições de filmes e documentários. A abertura do evento, que tem apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Tecnológico do Estado do Maranhão (Fapema), terá a conferência “Sexualidades, prazeres e perigos”, proferida pela antropóloga professora doutora Maria Elvira Díaz Benítez (UFRJ/Museu Nacional). O evento vai reunir também pesquisadores de Minas Gerais e Campinas (SP), entre eles o doutor Victor Hugo Barreto, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, que participará da mesa-redonda “Pânicos Morais e Conservadorismos”.

Para a coordenadora do Geni, professora doutora Sandra Maria Nascimento Sousa, dos programas de pós-graduação em Ciências Sociais (PPGCSoc) e em Cultura e Sociedade (PPGCult), o evento permitirá o aprofundamento da temática e contribuirá significativamente para o questionamento e o combate contínuo às desigualdades sociais implícitas nas relações de gênero. “A temática do II Encontro Nacional e IV Seminário do Geni é ampla e abrange debates sobre questões referentes aos relacionamentos e experiências de grupos LGBTQI+, convenções de erotismo, mercado de consumo de bens eróticos e pornográficos, prostituição, pedofilia, entre outros assuntos desse campo de estudos, cujo interesse é atualmente crescente no âmbito acadêmico”, ressalta.

De acordo com o edital, as inscrições e submissões de trabalhos têm investimento de R$ 20,00 para estudantes de graduação e R$ 50,00 para pós-graduando, professores da educação básica e demais profissionais interessados. Estudantes de ensino médio também podem participar com apresentações de painel digital com orientação de professores inscritos no evento. Somente para essa modalidade a inscrição dos estudantes é gratuita. As vagas são limitadas e todos os participantes receberão certificado com carga horária de 40 horas.

Grupo
Grupo de Estudos em Gênero, Memórias e Identidades (Geni), realiza desde 2002, reuniões semanais para discussões de obras de pesquisadores influentes nas temáticas gênero, sexualidade e estudos feministas; apresenta resultados de pesquisas, promove estudos dirigidos e orientações coletivas. Como resultados de pesquisas acadêmicas, os membros do Geni já publicaram, em 2015, o livro “Fazendo e Desfazendo Gêneros” e está prevista a segunda edição para 2019. Em âmbito local, já organizou minicursos, mesas-redondas, conferências e jornadas abertas ao público. Além disso, tem igualmente participado de audiências públicas, interagido com diversos movimentos sociais, bem como sido agraciado com prêmios locais pela qualidade de sua produção.

Em 2016, o Geni realizou o I Seminário de Gênero, Memória e Identidade (Geni): Simone de Beauvoir, contribuições e releituras. Em 2017, realizou o II Seminário de Gênero, Memória e Identidade (Geni): comemoração de 15 anos do Geni, em contexto de festa e avanços nas ações do grupo no Maranhão, envolvendo rodas de conversas e minicursos para as trocas de experiências sobre as produções de gênero no estado, pesquisas pioneiras no Maranhão.

“Em 2018, ampliamos a estrutura do evento para o caráter nacional, possibilitando a participação da comunidade acadêmica de todo o Brasil com as atividades de minicursos, apresentação de comunicações orais em grupos de trabalhos e painéis, mesas-redondas e mostras artísticas e culturais”, atesta a professora Sandra Nascimento. l

Serviço

O Quê

II Encontro Nacional e IV Seminário de Gênero, Memórias e Identidades

Inscrições de trabalhos acadêmicos

Até 24 de fevereiro no site http://grupogeniufma.blogspot.com/

Quando

De 18 a 21 de março de 2019

Onde

Centro Universitário Dom Delgado (UFMA), Avenida dos Portugueses, n° 1.966, Campus Bacanga

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte