Política | Política

VÍDEO: César Pires e Duarte Júnior trocam acusações em bate-boca na Assembleia

A primeira sessão plenária do ano na Assembleia Legislativa do Maranhão ocorreu na manhã desta terça-feira, 5
Gilberto Léda05/02/2019 às 14h45
VÍDEO: César Pires e Duarte Júnior trocam acusações em bate-boca na AssembleiaDeputados estaduais César Pires (PV) e Duarte Jr (PCdoB) (Reprodução)

A primeira sessão plenária do ano na Assembleia Legislativa do Maranhão foi marcada por um bate-boca entre os deputados César Pires (PV) e Duarte Jr. (PCdoB), na manhã desta terça-feira, 5.

O parlamentar do PV fazia um discurso de boas vindas e cobrava aos novatos, de maneira generalizada, que não esquecessem no parlamento dos anseios populares que os garantiram mandatos.

Segundo ele, em breve, o governo encaminhará ao Legislativo nova proposta impopular de aumento de imposto. E pediu firmeza dos deputados de primeiro mandato na defesa do cidadão.

“Vi agora o Governo dizer que vai de novo aumentar os impostos! E como será o comportamento daqueles que defendem o consumidor aqui? Defende o consumidor de televisão, de rádio, ou defende o consumidor de fato? Porque se defender de fato vai ter que se posicionar contra, ou então não é consumidor. Aqueles que defendem a agricultura familiar vão ter que defender a agricultura familiar. Ou não vão ter que defender a agricultura familiar? Os que são contra as questões dos roubos a banco ou do segmento de consumo têm que se posicionar! Ou vai continuar submisso em relação a isso?“, declarou.

Duarte Jr. entendeu que a declaração lhe era direcionada e reagiu. Disse que o discurso do colega era bonito, mas não aplicado na prática. E citou um caso em que ele ainda era presidente do Procon, quando recebeu uma ligação de César Pires – durante uma fiscalização a um supermercado no Bequimão – pedindo “com truculência”, que a operação fosse finalizada.

O comunista afirmou que o estabelecimento era de uma prima de Pires.

O deputado do PV, rebateu. Negou que o estabelecimento fosse de uma prima sua e que ligou atendendo a um pedido de um amigo. Contou mais: que Duarte sequer estava na tal fiscalização. “Vossa Excelência me disse que estava em um curso no Paraná, ou no Pará. Então, Vossa Excelência mente”, disse.

Pires disse ainda que Duarte não tem estatura, “nem moral, nem intelectual” para tentar desmoralizá-lo, e acusou o comunista de responder por tentativa de suborno e extorsão. O comunista negou.

“Não interessa se está no terceiro, quarto, sétimo mandato, se alguém vem aqui a esta tribuna para faltar com a verdade. Eu não posso me calar quando se traveste de conteúdo, faz citações a várias obras e não se coloca na prática tudo aquilo que leu”, retrucou Duarte Jr., que disse ainda que não permitirá a nenhum deputado que minta na Assembleia.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.