O Mundo | Abuso sexual

Mais de 300 padres católicos no Texas são acusados de pedofilia

Todos os padres acusados morreram ou foram removidos do clero, de acordo com as autoridades da igreja. Advogados na Califórnia também apresentaram relatório com mais de 80 nomes de religiosos
02/02/2019

VATICANO - A Igreja Católica identificou os nomes de mais de 300 padres acusados de pedofilia nas últimas seis décadas no Texas, nos Estados Unidos. Essas revelações são as mais recentes desde que a instituição prometeu mais transparência sobre casos de abuso sexual infantil envolvendo o clero.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.