Geral | Oscar do Esporte Maranhense

Emoção marca premiação aos melhores no Troféu Mirante

Evento, promovido pelo Grupo Mirante e que chegou a sua 14ª edição este ano, reconheceu os destaques em 27 modalidades; novidade a partir do ano que vem será a inclusão de premiação específica para atletas paralímpicos
Thiago Bastos / O Estado 01/02/2019
Thayara França Cardoso, vencedora na Natação, chorou ao lembrar da avó

O Troféu Mirante Esporte, que chegou este ano a sua 14ª edição de sua história, reconheceu ontem (31) em solenidade no Teatro Arthur Azevedo, os melhores de 27 modalidades no estado. A premiação foi prestigiada por autoridades, membros de federações esportivas e outros convidados. A novidade anunciada pela organização do prêmio será o reconhecimento específico para atletas paralímpicos, que valerá a partir do ano que vem, edição de número 15 do prêmio.

Este ano, mais uma vez, a premiação foi transmitida pela Rádio Mirante AM e acompanhado pelos portais Imirante.com, Globoesporte.com e pelo G1 Maranhão. Antes do evento, O Estado conversou com o presidente do Conselho Deliberativo do Grupo Mirante, Fernando Sarney. Para ele, a consolidação do prêmio reforça o trabalho realizado pela empresa no estado do Maranhão. “Nestes 14 anos, o Troféu Mirante Esporte somente cresceu à ponto de se transformar no pódio mais desejado de todos os atletas do Maranhão. Não é comum que eu fale em primeira pessoa, mas devo registrar o enorme esforço que tenho feito para ajudar o Maranhão, seus clubes e atletas profissionais e amadores, e ressaltar que este não é um trabalho dos mais fáceis, mas a mim é muito prazeroso”, disse.

Ainda de acordo com o dirigente, que também é um dos vice-presidentes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e um dos componentes do comitê organizador da Copa América deste ano , o esporte faz parte da formação do cidadão e ensina valores. “Incentivar o esporte é, sobretudo, tarefa de governos. Deveria estar, portanto, na prioridade de todos eles: federal, municipal e estadual. Mas é necessário que também façamos a nossa parte, e é isso que nós, do Grupo Mirante, temos feito sistematicamente”, afirmou Fernando.

Fernando Sarney fala aos atletas, dirigentes e convidados

A apresentação do prêmio foi feita por Heloísa Batalha (Rádio Mirante FM e programa Daqui, da TV Mirante) e Edivaldo Biguá. A execução do Hino Nacional foi feita por Tássia Campos (intérprete) e Chiquinho França (instrumental). Em seguida, foram distribuídos os prêmios. A primeira modalidade foi o Triathlon e quem venceu foi Sara Dutra. “Agradeço primeiramente a Deus e aos meus treinadores. Para mim, é uma honra receber este prêmio”, disse.

Em seguida, foi a vez do Kitesurf, que será modalidade olímpica a partir de 2024. O vencedor foi Bruno Lobo. Depois, na Natação, ocorreu um dos momentos mais emocionantes da noite. A premiada – Thayara França Cardoso – lembrou da avó falecida recentemente ao segurar o troféu e foi às lágrimas. “Ela falava muito para mim: seja sempre a melhor, no que fizer. Mas tudo depende de esforço próprio”, disse.

Sara Dutra vencedora no Triathlon foi a primeira a receber troféu e comemorou

No Basquete, a vencedora foi Alcidésia Mendes Matias. “Para nós, atletas master, receber este prêmio é sempre uma honra”, disse fazendo menção a integrantes da comunicação esportiva maranhense e ex-atletas. Outras 23 modalidades também foram reconhecidas em seguida.

Saiba Mais

A votação do Troféu Mirante Esporte começou no dia 14 deste mês. De acordo com os organizadores, pessoas participaram da escolha, que poderia ser feita pelo endereço eletrônico: www.grupomirantema.com/trofeumirante.

Nestes 14 anos, o Troféu Mirante Esporte somente cresceu à ponto de se transformar no pódio mais desejado de todos os atletas do Maranhão”Fernando Sarney, presidente do Conselho Deliberativo do Grupo Mirante

Prévia

Uma das prévias do evento foi a palestra motivacional realizada na quarta-feira (30), um dia antes do evento principal, com o atacante Bebeto, tetracampeão mundial com a Seleção Brasileira e ex-membro do Conselho de Administração do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. Ele prestigiou a premiação e falou com O Estado. “Esse prêmio é uma alegria, um reconhecimento. Para o atleta, é algo singular”, afirmou.

Alcidésia Mendes Matias vencedora no Basquete

História

O Troféu Mirante Esporte surgiu da ideia de Fernando Sarney da criação de evento a partir do Troféu Rômulo Maiorana, que valoriza os melhores do esporte no Pará. A premiação inicialmente contemplava os esportes mais praticados, como futebol, vôlei e outros. “Foi a partir da ideia da Mirante e com a credibilidade da marca que, a cada ano, o troféu ganhou destaque e novidades”, disse Eurico Pacífico, membro da comissão organizadora do Troféu Mirante Esporte.

Com o passar dos anos, foram sendo incluídas outras modalidades, dentre elas, sinuca, uma das últimas a fazerem parte da lista oficial. “Para fazer parte da lista, é necessário inicialmente que a modalidade tenha um calendário de eventos regular e, em seguida, um número relevante de praticantes e profissionais. A partir daí, uma comissão analisa caso a caso de forma técnica para saber se aquela modalidade tem condições de receber esta honraria”, afirmou Eurico Pacífico.

Parceiros da 14ª edição do Troféu Mirante Esporte


Cemar (Equatorial Energia)

Omega Energia

Citelum

Maracap

Carlos Eduardo de Castro, o Kadu Castro vencedor no surf

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte