Política | Crise

Dutra cita denúncia da PF contra novo presidente e pede desfiliação da Famem

Numa carta endereçada a Erlanio Xavier (PDT), o comunista também aponta motivos políticos para o pedido
OEstadoMA31/01/2019 às 18h11
Dutra cita denúncia da PF contra novo presidente e pede desfiliação da FamemDivulgação

O prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra (PCdoB), protocolou nesta quinta-feira, 31, pedido de desfiliação da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem).

Numa carta endereçada ao novo presidente, Erlanio Xavier (PDT), prefeito de Igarapé Grande - aclamado em eleição de chapa única na quarta-feira, 29 -, o comunista aponta os motivos por que não quer permanecer vinculado à entidade.

“V.Exa foi preso pela Polícia Federal, tendo como companheira a então Prefeita Bia Venâncio Aroso, acusados de corrupção no Município de Paço do Lumiar. Desta forma, V.Exa há de convir que torna-se incoerente manter filiado na entidade que V.Exa preside o Município em que V.Exa foi acusado de desviar recursos públicos”, destacou.

Dutra também aponta motivos políticos para sua decisão. Segundo ele, na eleição de 2016 Erlânio apoiou os adversários do atual prefeito.

“Recentemente, V.Exa e outros dirigentes do PDT declararam apoio aos meus adversários políticos em Paço do Lumiar, os quais coincidentemente também foram presos e tiveram mandatos cassados pela Câmara Municipal e pelo Poder Judiciário por práticas de compra de votos e corrupção”, completou.

Operação Alien – Então vice-prefeito de Igarapé Grande, Erlanio foi citado no bojo da Operação Alien, desencadeada pela Polícia Federal em 2012. Os federais também cumpriram um mandado de busca e apreensão na residência dele na cidade.

Ele apareceu nas investigações como proprietário da Construtora Luna e Macedo Xavier, que, de acordo com a PF, atuou em um esquema de desvio de recursos do Fundeb em Paço do Lumiar.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte