Política | Processo

Marcelo Odebrecht pede suspensão de ação contra ele por Instituto Lula

Defesa do empresário sustentou que, no seu acordo de colaboração, ele já foi condenado a mais de 40 anos; Odebrecht ficou preso de junho de 2015 a dezembro de 2017 e hoje está em regime domiciliar
11/01/2019

BRASÍLIA - O empresário Marcelo Odebrecht, ex-presidente do Grupo Odebrecht, pediu a suspensão do processo contra ele na ação penal sobre supostas propinas da empreiteira para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que incluiriam um terreno para abrigar o Instituto Lula e um apartamento em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo. A medida, caso seja concedida, vale apenas para o empresário.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.