O Mundo | Fim da ditadura

Camboja celebra os 40 anos do fim do regime do Khmer Vermelho

Ditadura de Pol Pot matou quase 2 milhões de pessoas na década de 1970. Evento foi dedicado ao atual primeiro-ministro, no poder há 30 anos e acusado de perseguir opositores
08/01/2019

CAMBOJA - Dezenas de milhares de cambojanos comemoraram, ontem (7), o 40º aniversário do fim do regime do Khmer Vermelho. A ditadura comandada por Pol Pot matou quase 2 milhões de pessoas no Camboja, segundo a agência France Presse, e manteve campos de concentração onde opositores ficavam presos.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.