Alternativo | Arte

Arte visual para começar o ano novo

Para quem quer aproveitar o mês de janeiro contemplado a arte, selecionamos exposições em diferentes espaços; entre elas, uma em homenagem a Assis Chateaubriand e outra com enfoque em mulheres negras
03/01/2019

SÃO LUÍS - Valorizar a arte e o trabalho de artistas maranhenses que fazem a diferença é a pedida para começar 2019. Em São Luís, a agenda cultural direciona para várias exposições, inauguradas no segundo semestre do ano passado e que continuam em cartaz em diferentes espaços. Uma delas é intitulada “A Coleção Assis Chateaubriand do MHAM: um recorte do tempo”, que pode ser conferida até 10 de março, no Museu Histórico e Artístico do Maranhão (Rua do Sol), em comemoração aos 45 anos da casa. Há ainda as exposições “Mãe Petra”, no Chão SLZ (Praia Grande), e “Prelúdio das Certezas: A Linearidade das Indiferenças” e “Presépio Artístico 2018: Uma Tradição que se Renova!”, ambas no Palacete Gentil Braga (Rua Grande).

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte