Política | FEPA

Fundo da aposentadoria dos servidores maranhenses pode zerar antes do fim do ano

Deputado Adriano usou suas redes para denunciar drenagem do fundo pelo governo Flávio Dino
José Linhares Jr03/12/2018 às 16h21
Deputado Adriano (PV) denuncia drenagem dos recursos da FEPA pelo governo desde 2017.

O deputado Adriano Sarney (PV) usou suas redes sociais na manhã desta segunda-feira, 3, para fazer uma denúncia grave. O Fundo de Pensão e Aposentadoria (FEPA) dos servidores do estado pode virar o ano zerado.

O parlamentar apresentou um extrato de conta que mostra um saldo de apenas R$ 79 milhões em caixa no dia 31 de outubro. Em 30 de setembro o saldo era de pouco mais de R$ 180 milhões.

“Caso o jeito comunista de tocar o dinheiro dos aposentados não mude, é bem provável que o restante dos recursos acabe em novembro”, disse o parlamentar.

Adriano denunciou o gerenciamento dos recursos do FEPA durante todo o seu primeiro mandato como parlamentar. “Se tratasse as denúncias com responsabilidade, talvez o governo tivesse estancado a sangria no dinheiro dos velhinhos. Infelizmente entrou por um ouvido e saiu pelo outro”.

Os saques começaram em 2017 e se estenderam em 2018. O atual governo recebeu nos cofres da FEPA pouco mais de R$ 1 bilhão. Recursos que foram drenados e, segundo Adriano, dificilmente não serão liquidados antes do fim do governo.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.