Política | Reeleito

Thiago Diaz é reeleito presidente da OAB

Candidato da chapa “Vamos Fazer Muito Mais”, Thiago Diaz obteve votação expressiva e consolidação a sua reeleição para novo mandato de mais três anos na entidade
Ronaldo Rocha da editoria de Política24/11/2018
Thiago Diaz é reeleito presidente da OABThiago Diaz foi reeleito presidente da Ordem (Thiago Diaz)

O advogado Thiago Diaz foi reeleito presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Maranhão, na eleição da última sexta-feira.

Candidato da chapa 4, “Vamos Fazer Muito Mais”, ele obteve votação expressiva nas urnas eletrônicas cedidas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão.

O advogado Heleno Mota Silva foi eleito vice-presidente na chapa de Diaz; Amanda Sousa foi eleita secretária-geral da entidade; Valéria Ferreira ficou na Secretaria Adjunta da Ordem e Kaio Saraiva foi eleito tesoureiro.

Logo após o resultado do pleito, Thiago Diaz agradeceu os colegas de classe pela expressiva votação.

“Muito feliz com o reconhecimento da advocacia do Maranhão, muito grato. A palavra desse momento é gratidão, uma dívida que não prescreve. É sinto que sinto nesse momento por cada advogada e por cada advogado do estado do Maranhão”, disse.

Ele fez referência aos adversários do pleito [Mozart Costa Baldez Filho, Sâmara Braúna e Carlos Brissac] e reafirmou o seu compromisso com o desenvolvimento da Ordem.

“Quero cumprimentar e saudar os meus oponentes pela campanha que foi realizada, quero dizer que a Ordem dos Advogados do Brasil sai ainda mais fortalecida e vou nesse momento reafirmar o meu compromisso, com cada advogado e com cada advogada desse estado de me empenhar, de lutar e de trabalhar todos os dias, pela valorização da advocacia, pela intensificação na defesa de nossas prerrogativas e pela ampliação dos cursos de capacitação”, enfatizou.

Thiago Diaz afirmou que cumprirá cada uma das promessas feitas durante o período de campanha, na nova gestão que se iniciará em janeiro de 2019.

“Terei, a partir de agora – assim como fiz em 2015 -, como livro de cabeceira, as propostas que apresentei à advocacia do Maranhão, para chegar daqui a 3 anos com todas elas cumpridas e honrar o voto e a confiança dos advogados e das advogadas do estado”, completou.

Para ele, o resultado do pleito mostrou a independência da advocacia do estado. “A advocacia mostrou que é independente, que é forte, que é soberana e sabe reconhecer a luta e o trabalho. Quero agora, acima de tudo, convocar toda a advocacia do Maranhão, para todos juntos, trabalharmos por dias melhores, por uma Ordem cada vez mais forte, mais independente e mais valorizada”, finalizou.

Propostas

Na semana passada Diaz havia defendido à imprensa, a continuidade de uma série de ações coordenadas durante a sua gestão na OAB.

Na ocasião ele destacou como uma de suas principais ações, a reforma do prédio da Ordem – segundo ele, nunca feita anteriormente -.

Também destacou a extinção do sistema de pontos, que praticamente inviabilizava descontos de anuidade para a jovem advocacia. Atualmente, mais de 6.500 jovens já foram beneficiados com esse avanço, segundo o presidente.

Diaz também afirmou, na ocasião, que a sua gestão apresentou uma maior atenção com a interiorização, com a instalação de mais 50 salas da advocacia, construção de 7 novas subseções; realização de cursos de capacitação; e criação da Creche da Advocacia, lugar onde as mães podem deixar seus filhos enquanto advogam.

Outra proposta do presidente reeleito, é o desenvolvimento de um Orçamento Participativo na entidade, mediante a realização de audiências públicas.

Além disso, ele prometeu criar o Núcleo de Defesa da Legalidade, Moralidade e Probidade, que terá o objetivo de promover estudos e elaborar Ações Constitucionais e Ações Civis Públicas para combater danos ao erário e a sociedade.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte