Cidades | Enem 2018

216 mil farão provas do Enem, no domingo (4), no Maranhão

Mulheres representam a maioria dos candidatos ao exame no estado este ano e somam 59,1% dos inscritos; é importante ficar atento para não se atrasar para a prova
Emmanuel Menezes / Especial para O Estado02/11/2018
216 mil farão provas do Enem, no domingo (4), no MaranhãoAulão ministrado no Dom Bosco para os estudantes que farão Enem (ENEM)

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terá o seu primeiro dia de provas neste domingo (4). De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 216.755 candidatos confirmaram participação na 20ª edição da prova no Maranhão. O modelo 2018 repete a reformulação do Enem em 2017, com provas aplicadas em dois finais de semana.

O ritmo nas escolas e cursinhos preparatórios da cidade se tornou frenético nos últimos meses, com a inserção de “aulões especiais” e simulados, dentre outras táticas capazes de fazer o aluno ficar melhor ambientado com o estilo da prova.
João Guilherme Moreno Carvalho, de 19 anos, vai fazer Enem pela terceira vez. Seu sonho é fazer o curso de Medicina em alguma Universidade Pública. “É sempre construtivo fazer a prova e observar seus erros e acertos para, assim, você ir aparando suas arestas. A cada ano o rigor da correção da prova está maior, então a preparação completa é o melhor caminho”, disse.

O veterano Lucas Holanda Costa Ferreira, de 24 anos, fará Enem pela quinta vez. “Quando eu tinha 18 anos fiz o meu terceiro Enem e passei em Engenharia Civil. Cursei até o quinto período, mas larguei em 2016 e resolvi voltar a estudar para o exame, agora com o desejo de cursar Medicina”, conta.

Segundo os alunos, a prova está cada vez menos interpretativa. A aluna Ana Beatriz Alhadef, de 19 anos, revela que, apesar de achar a prova cada vez mais rigorosa, nunca se sentiu tão preparada para realiza-la. “Aposto que conteúdos bem mais tradicionais serão cobrados, principalmente na área de humanas, onde eram postas questões que buscavam muito mais a interpretação do participante. Acho que minha preparação me deu a segurança necessária para tirar uma ótima nota nesse ano”, reforça.

A professora de Redação, Geíse Marques, ressaltou a O Estado que o perfil do aluno tem que seguir os padrões da prova, e se atualizar a sua nova forma. “É visível que hoje o aluno precisa estar extremamente preparado. Trazendo a redação como exemplo, podemos colocá-la como a representação gráfica de todas as outras disciplinas”, explica. Para a professora, a intertextualidade está muito mais presente no que a banca do Enem pede hoje, trazendo temas muito mais específicos do que antes.

Por trazer assuntos atuais à tona em suas questões, as maiores apostas da professora para o tema da redação do Enem em 2018 são: Fake news; temas relacionados à saúde pública, como a vacinação ou DSTs; saúde do idoso; tecnologia e meio ambiente.

A professora ainda dá uma dica de como o aluno deve preparar o texto na hora da prova. “É um dever do participante interpretar aquilo que a banca está exigindo. Sempre ele terá que trazer uma solução para a problemática, com argumentos para defender o seu ponto de vista e, principalmente, trazer uma proposta de solução ao final da redação”, diz.

ATENÇÃO

O horário brasileiro de verão se inicia na virada do sábado (3) para o domingo (4). As provas são realizadas, obrigatoriamente, no horário de Brasília, diferenciando a hora de início e fim do exame no Maranhão. A abertura dos portões será feita às 11h (horário local), e os portões serão fechados às 12h (horário local). A prova terá início às 12h30 (horário local). Os participantes só poderão sair com os cadernos de provas meia hora antes do término da mesma. No domingo (dia 4), serão: 45 questões Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, 45 questões de Ciências Humanas e suas Tecnologias e Redação Duração: 5h30. No domingo (dia 11), serão: 45 questões de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e 45 questões de Matemática e suas Tecnologias.Duração: 5h (30 minutos a mais do que em 2017).

PERFIL DO PARTICIPANTE

Serão 5,5 milhões de participantes em todo o Brasil. No Maranhão, o número é de 216.755 confirmados. As mulheres representam a maioria dos candidatos do Enem 2018: 59,1% dos inscritos. Sobre a faixa etária, os participantes com idade entre 21 aos 30 anos são a maioria, representando 33,8% do total. Em relação à situação escolar, 58,6% já concluíram o ensino médio, 29,7% se formarão em 2018 e 10,6% concluirão após este ano (treineiros).

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.