O Mundo | Filhos de imigrantes

Trump insiste que Constituição não barra fim de cidadania

Presidente americano foi criticado por sugerir decreto presidencial contra direito previsto na Constituição
01/11/2018

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a defender pelo Twitter o fim da cidadania para filhos de imigrantes nascidos em solo americano. Pelo Twitter, o republicano destacou que o direito - previsto na Décima Quarta Emenda da Constituição americana - "é muito injusto para os cidadãos" do país e "vai ser cortado de uma maneira ou de outra". Questionado por juristas e até correligionários, que apontaram a ilegalidade da medida, o presidente insistiu que há brecha legal para a mudança com base em trecho do texto constitucional.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.