Geral | Mudanças

Estatuto do Desarmamento pode voltar à pauta da Câmara

As alterações no estatuto, em vigor desde 2003, podem ser analisadas ainda em novembro; o estatuto prevê que a pessoa declare a efetiva necessidade da arma, mas este requisito será suprimido
31/10/2018

BRASÍLIA - Na volta das atividades parlamentares após o segundo turno das eleições, possíveis mudanças no Estatuto do Desarmamento, uma das propostas do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), podem voltar à pauta da Câmara dos Deputados ainda neste ano.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.