Esporte | Cadê o dever de casa?

Campanha ruim em casa volta a “assombrar” o Sampaio na Série B

Com 16 jogos e apenas cinco vitórias, o Sampaio conquistou somente 19 pontos dos 48 que disputou ao lado da sua torcida
Eduardo Lindoso / O Estado22/10/2018 às 16h06
Campanha ruim em casa volta a “assombrar” o Sampaio na Série B Marcinho ainda acredita que o Sampaio vai seguir reagindo (Biné Morais / O ESTADO)

SÃO LUÍS – Em plena recuperação desde a chegada do técnico Marcinho, com três vitórias, dois empates e apenas uma derrota, o Sampaio voltou a tropeçar na má campanha que faz dentro de casa e viu sua situação piorar novamente na luta contra o rebaixamento na Série B. Com sua sétima derrota em São Luís, após o revés de 2 x 1 para o Londrina, o Tricolor chegou a marca de 16 jogos como mandante e apenas cinco vitórias. Foram seis empates e mais gols sofridos do que marcados: 16 a 18. E esse péssimo retrospecto como anfitrião deixa o Sampaio novamente com mais de 70% de chances de cair, no entanto, o técnico Marcinho acredita em uma nova arrancada.

Depois de ser superado no Castelão, no último sábado (20), o Sampaio viu aumentar sua probabilidade de rebaixamento de 50% para 72,9%. Sob o comando de Marcinho, o time venceu dois jogos em São Luís, o que melhorou o desempenho em casa, mas esse novo tropeço voltou a assombrar o clima na equipe. Para se ter uma ideia, dos 48 pontos que disputou ao lado de sua torcida, a Bolívia Querida conquistou apenas 19, muito pouco.

“Ainda dependemos só de nós. Teremos um confronto direto e acredito na força da reação desse grupo, que se empenhou bastante para buscar a vitória, mas, infelizmente, desperdiçamos muitas oportunidades”, disse o técnico Marcinho, em entrevista ao site oficial do clube.

Atuando longe do Maranhão, o Sampaio tem os mesmos 16 jogos, com três vitórias, quatro empates e nove derrotas, desempenho também muito fraco. E se o desempenho como mandante é ruim, ele vai precisar melhorar nas últimas seis rodadas que restam na competição, já que em três partidas dentro e três fora, o time maranhense precisa somar, pelo menos, 12 pontos, ou seja, tem que vencer quatro partidas, para assim chegar aos 44 pontos e se aproximar da pontuação que geralmente as equipes costumam escapar da degola.

“Temos que olhar pra frente, levantar a cabeça e pensar no próximo jogo, que será muito importante nessa nossa luta em permanecer na Série B”, disse Marcinho.

E essa reação já pode acontecer na próxima rodada, quando o Sampaio visita o Juventude, na sexta-feira (26), às 20h30, no estádio Alfredo Jaconi, pela 33ª rodada da Série B. Os maranhenses têm 32 pontos e ocupam a 17ª posição.

Próximos jogos do Sampaio na Série B

Juventude x Sampaio (fora)
Sampaio x CSA (casa)
Goiás x Sampaio (fora)
Sampaio x São Bento (casa)
Sampaio x Boa Esporte (casa)
Criciúma x Sampaio (fora)

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.